Amigos

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Brasileiros na 29ª Bienal: Gil Vicente


Suíte safada 15, 2006, nanquim sobre página de livro, 22,5 x 15,7 cm


Estudou na Escolinha de Arte do Recife e nos ateliês de extensão da UFPE (1972-77). Em 1975 recebeu o 1º Prêmio do Salão dos Novos, no Museu de Arte Contemporânea de Pernambuco. Em 1978 realizou sua primeira mostra individual na Galeria Abelardo Rodrigues, em Recife. Estudou em Paris com bolsa do Governo Francês (1980-81). Recebeu o Prêmio MEC/FUNARTE no Salão de Artes Plásticas de Pernambuco, em 1981. Participou da Bienal do Mercosul, da Bienal de São Paulo e do Panorama da Arte Brasileira. Realizou mostras individuais na extinta galeria Futuro 25, em Recife, e nos museus de arte moderna do Rio de Janeiro, da Bahia e do Recife (MAMAM). É representado pelas galerias Nara Roesler (São Paulo) e Mariana Moura (Recife), nas quais realizou suas exposições individuais mais recentes. Em 2008, em Madri, participou da mostra Brasil Arte Contemporânea, na Arco’08, e de “Contraditório”- Panorama da Arte Brasileira, na Sala Alcalá 31. Realiza a individual de pinturas Geometria adiada, na Galeria Mariana Moura, em Recife. Em 2009 participa da coletiva Nus, na Galeria Fortes Vilaça, em São Paulo, e expõe a série Inimigos no Atelier Subterrânea, em Porto Alegre.
Site de Gil Vicente

2 comentários: