Amigos

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Regresso à Idade Média em Avignon

Andres Serrano, “Piss Christ”


Duas obras do artista Andres Serrano foram vandalizadas na manhã do dia 17 no Museu de Arte Contemporânea de Avignon, França. Entre as obras destruídas encontrava-se o polêmico quadro “Piss Christ"(1987), onde se vê um crucifixo mergulhado em sangue e urina. A outra obra vandalizada foi "The Church - Soeur Jeanne Myriam".

“Piss Christ" já era alvo de protestos nas últimas semanas por movimentos religiosos, no último sábado cerca de mil pessoas se manifestaram contra a obra em Avignon. Domingo após a abertura do museu, um grupo de indivíduos atacou a obra com um martelo e um objeto cortante. Os seguranças tentaram impedir mas foram ameaçados e espancados.


Segundo o site http://www.publico.pt, o ministro da Cultura e da comunicação francês, Frédéric Mitterrand, pronunciou-se sobre o assunto afirmando ser um “atentado a um princípio fundamental consagrado na lei, o da liberdade de criação e expressão”, reconheceu contudo que “um ou dois quadros poderiam chocar algumas pessoas”. Já o coleccionador de arte Yvon Lambert diz-se perseguido. “Recebi 30 mil emails, não estou a exagerar, 30.000 e-mails fundamentalistas”, afirmou revelando a sua indignação perante o que apelidou de “regresso à Idade Média”.


As obras atacadas fazem parte da exposição, inaugurada em Dezembro, intitulada “Je Crois Aux Miracles”, que assinala os dez anos da coleção pessoal do negociador de arte Yvon Lambert e que poderá ser vista no Museu de Arte Contemporânea de Avignon até Maio.

Notícia via: http://www.publico.pt/Cultura/obras-de-andres-serrano-vandalizadas-em-franca_1490354

2 comentários:

  1. os novos velhos bárbaros, nunca nos livraremos deles...

    ResponderExcluir
  2. Warm wishes for a wonderful Easter!
    Kiss

    ResponderExcluir